Cantigas

sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Das palavras de Chan...


Chan é um amigo fluminense e que, na minha vida, REPRESENTA uma conquista!
Um homem sensível, delicado, inteligente, atencioso!
Suas palavras tem me emocionado profundamente desde que nos conhecemos: estabeleceu uma relação linda com a música que produzo.
Recebi dele, esta semana, um presente que compartilho aqui, como forma de agradecimento público!
CHAN: VOCÊ É A GRANDE LUZ, NESTA HISTÓRIA!


A Voz que define o caminho que propicia a emoção está afinada ao
compasso do sutil e melhor do ser!
E ser em ti é como fonte inesgotável de sabor e beleza: a têmpera que
confirma a sensibilidade exposta,
fratura que mostra as dores do humano, na condição de clandestinidade
das paixões, da forma mais significativa e terna.
Essa é a senda do real artista. Contar histórias, participar emoções e
sentidos, transfigurar-se na dor e na glória das grandes melodias,
doando seu talento, Voz e Arte! Por isso amo sua estrutura vocal e sina.
Sua condição de\se entregar às canções
com a sinceridade que a cada uma cabe, VC se entrega e isso é
formidável...
Zizi Possi quando canta interpreta como que contando a história na mais
profunda sensibilidade e êxtase.
Maria Bethânia é a materialização desse êxtase, perfeita em sua
interpretação seja de que gênero for.
Gal tem o poder de transformar o êxtase citado em puro cristal de Luz...
E Carlos Barros soma todas essas intenções na Verdade com que se dá à
sua Arte!
Isso é pura demonstração de que a música é o alimento que tira do ar,
onde de tamanha satisfação sua transcende a palavra
que de cantada se faz ouro, da sua garganta fios de rádium a acender os
espaços e a todos que ouvem...
Essa história/canção enviada a mim me deu a reflexão que delata o grande
cantor que te sinto e sei!
É esplêndido o entendimento da mensagem, a dicção perfeita e a entrega
melódica que nos faz viajar e ver o que da canção É.
Gracias, Pássaro!!! Por essa oportunidade de tê-lo perto, por saboreá-lo
ao vivo, mesmo ainda não o vendo.
Pois que não preciso vê-lo para entender a sua imensa relação de amor
para com a sua Essência: a Arte!!!
Sinta-se abraçado e acarinhado. Como foi a audição dessa canção que me
fez entre ramagens e pétalas...
Namaste, meu adorado cantor!!!
Namaste, Carlos Barros!!!
Namaste, Pássaro!!

Chan

3 comentários:

Cigarra disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cigarra disse...

Reverenciar CARLOS BARROS é saborear a Música Popular Brasileira!!!
Gracias, Pássaro, pela sua imensa generosidade e Voz!!!
Namaste no seu Axé!!!!

Ricardo disse...

Só podia ser ciração do lindo cham..lindo!
Salve Carlos!

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Total de visualizações de página